GIORDANO BRUNO - PORTAL ESPÍRITA E FILOSÓFICO SAUDADE E ADEUS
Saudade e Adeus - Tatiana Madjarof Bussamra - Página Inicial

 

 Saudade e Adeus

 

 

Giordano Bruno

Assista Online e na Íntegra

 

GIORDANO BRUNO - ASSISTA ONLINE E NA ÍNTEGRA! Filme histórico que revela os lances mais importantes da vida do monge dominicano, filósofo, astrônomo e matemático italiano Giordano Bruno (1550-1600), uma das figuras mais representativas da Renascença, interpretado pelo famoso ator italiano Gian Maria Volonté.

Do script deste filme, destacaremos alguns pensamentos do autor de Sobre o Infinito, o Universo e os Mundos:

“Existe uma relação entre os mundos vegetal, mineral, animal e humano. As árvores, as pedras, os animais têm uma respiração interior, como nós.” [“O princípio espiritual caminha sem detenção para frente”, evoluindo através dos reinos mineral (cristal), vegetal e animal. (A Gênese, Kardec, cap. VI, item 19 e cap. X, item 28; A Evolução Anímica, G. Delanne, FEB, cap. VI, “A evolução terrestre”; No Mundo Maior, André Luiz, F. C. Xavier, cap. 3, p. 45 e cap. 4, p. 57)]

“O Cosmo é uno, eterno e infinito. A Terra é um dos mundos e nós, sobre ela, giramos ao redor do Sol sem perceber.” Ele é considerado o primeiro a discutir a vida fora da Terra (Mas, não podemos esquecer que, há 2000 anos, Jesus esclareceu: “Há muitas moradas na casa de meu Pai”, tema desenvolvido por Kardec no cap. III de O Evangelho Segundo o Espiritismo.) pois afirmava que os planetas acompanhavam estrelas, formando mundos habitados como a Terra em todo o Universo. As idéias de Bruno só foram retomadas na década de 1960, pelo astrônomo norte-americano Frank Drake.

Depoimentos de seu ex-protetor no Tribunal de Inquisição: “Ele acredita que eternidade significa que a vida não se apaga nunca e que as almas passam eternamente de corpo em corpo”.

“A Natureza é governada por uma profunda harmonia. Linhas invisíveis unem as pequenas coisas da Terra. Deus está em toda parte, em cada partícula de matéria inerte ou viva”. (Este último pensamento de Giordano revela sua adesão ao panteísmo, antiga doutrina filosófica, refutada pelos Espíritos, quando da elaboração de O Livro dos Espíritos (Allan Kardec)., questões 14 a 16).

“Existe uma magia natural que reflete e revela a ordem divina da Natureza”.

Dentre as acusações no Tribunal, foi lido o texto: “Ele sustentou a existência de inúmeros mundos e que a Terra gira ao redor do Sol. Disse acreditar na reencarnação e não no inferno. Afirmou que até os demônios serão salvos. Disse que a magia é lícita e que até os profetas e apóstolos eram magos”. (Entendemos que a magia referida nada mais é do que a mediunidade).

Giordano preferiu ser queimado na fogueira, a 08/02/1600, do que abjurar suas idéias. A propósito, afirmou: “Por enquanto ficariam felizes com a minha abjuração. Mas, viver pode também significar percorrer um longo caminho que nos afasta de Deus!” Atualmente, no local do seu martírio, em Roma, uma estátua eterniza o seu amor à Verdade.

Assistindo a este filme entenderemos porque Giordano Bruno está entre os “heróis e paladinos da renovação terrestre, com a refulgência de suas almas”, no belíssimo encontro de Espíritos Superiores descrito por Irmão X, Espírito, no capítulo “Kardec e Napoleão”, da obra Cartas e Crônicas (Francisco C. Xavier, FEB).

Antes de começar a assistir o filme, dê o play e em seguida dê o pause. Aguarde alguns minutos para o vídeo carregar um pouco e não travar.

 

Para assistir em tela cheia, clique no botão que está localizado na parte inferior do vídeo, do lado direito.

 

 

 
    Retornar Para Filme    

SIGA O SAUDADE E ADEUS NO TWITTER

Siga o Saudade e Adeus no Twitter

 

 

MUNDO DA FILOSOFIA

 

 



Elaborado e Idealizado por Rosana Madjarof - Todos os Direitos Reservados - Política de Privacidade